Portugal Real Estate Homes

Agência Imobiliária Português

A verdade sobre o mercado imobiliário – Vender

A verdade sobre o mercado imobiliário – Vender

flyer versoGeralmente vender imóveis não é um processo complicado se souber o que está a fazer. Escolher um broker profissional para o ajudar é uma opção sensata, já que esta é a sua área de especialização e, ao trabalhar com alguém assim, estará frequentemente em boas mãos.

O primeiro passo é um encontro com o agente imobiliário para que ele se familiarize com o imóvel que vai ser vendido e depois converse consigo para discutir os detalhes. Poderá pedir-lhe para ver o contrato que assinou quando comprou a casa e analisar alguns pormenores importantes. Talvez tenha um inquérito, que poderá ser útil para potenciais compradores.

Se decidir avançar e contratar o agente imobiliário para vender a sua casa, ele poderá querer percorrer as divisões e dar-lhe conselhos sobre a forma mais vantajosa de mostrar o imóvel. Pode aconselhá-lo a pintar as paredes, a arrumar e a organizar ou poderá simplesmente sugerir-lhe uma disposição diferente para os móveis. A maior parte das pessoas tem demasiados móveis e um potencial comprador prefere ver as divisões mais organizadas – assim poderá imaginar como ficarão as suas mobílias e como arrumar as suas roupas no armário – ficando assim mais perto de comprar a casa. Por vezes é útil colocar os móveis em excesso, roupas, artigos de cozinha e outros objetos num armazém enquanto a casa estiver no mercado. Neste caso menos é mais. O agente imobiliário sabe certamente o que procuram os potenciais compradores.

O corretor irá também analisar outros imóveis na área que sejam parecidos com o seu, podendo assim estabelecer um preço de mercado para a sua propriedade. Poderá também dizer ao corretor as vantagens de viver naquela zona; por exemplo, talvez as escolas sejam excelentes. De qualquer forma, um agente imobiliário experiente terá geralmente uma boa ideia sobre a área e saberá as vantagens de residir naquele local.

O agente irá colocar o imóvel numa plataforma online para que possa ser visto por outros corretores; se estes tiverem clientes interessados, marcarão uma reunião com seu agente ou com a sua agência. O corretor poderá colocar no exterior da casa um cofre com a chave da casa, protegido com um código que só será dado aos outros agentes que queiram visitar o imóvel.

Poderão também ser feitas visitas de casa aberta – geralmente durante duas ou três horas num sábado ou num domingo. O agente irá a sua casa e provavelmente levará algumas flores ou biscoitos para os visitantes e passará algum tempo a conversar com potenciais clientes, informando-os das vantagens do imóvel e da zona onde ele está situado. Por exemplo, quanto tempo demora a chegar até à paragem de autocarro mais próxima ou a distância a que fica a escola mais perto, etc.

O agente imobiliário irá também receber todas as propostas, mostrar-lhas e dar-lhe alguns conselhos. Se decidir aceitar a oferta de um comprador, o corretor também vai acompanhá-lo durante o processo de elaboração do contrato, tratar das questões relacionadas com o cheque do contrato-promessa e recomendar-lhe advogados locais, caso não tenha um.